Metáforas dos Buscadores – Vol. 01

Iniciando nossos artigos com metáforas dos buscadores, lembrando que são frutos criados dentro dos nossos cursos em Serra Negra. Este é o primeiro com metáforas da Mara e da Priscilla. Gratidão queridas buscadoras por compartilhar conosco suas transformações.

Metáfora de Mara Mariotto

Numa casinha bem simples, nasceu uma linda menina cheia de esperança, que acreditava que podia mudar o mundo, corria pelos campos com flores coloridas, carregava em seu coração a certeza das possibilidades, mesmo qdo ao seu redor nada combinava com seus pensamentos.

O tempo passou, ela cresceu, mas com o tempo veio as incertezas e as crenças de que para ser ter sucesso precisa ser forte, muito forte e travou uma luta interna lutando com todos e foi assim que ela percorreu o caminho mais difícil do ser humano para atingir seus objetivos.

Ela tinha pressa e as pessoas ao seu redor não tinha essa urgência e saiu na sua luta foi acumulando pesos, levando porrada e sucumbindo ao ego de que tudo pode.

Seus encantos foram se tornando dor e sofrimento, até que um dia percebeu que podia ser melhor e que ainda dava tempo de ter projetos reais que ainda dava tempo de fazer o que gosta e ajudar o mundo sem ter que lutar, sem ter que brigar

Ainda dava tempo de ser feliz, de amar e ser amada

Sobre a autora:

Mara Mariotto

Mãe de três filhos, avó de dois netos, empreendedora, buscadora e uma pitada de visionária, 60 anos que quer começar agora uma nova etapa. Através da Meda Academy vem se descobrindo e percebeu que a vida pode ser mais leve e que ainda pode fazer a diferença na vida de muitas pessoas.

 


Metáfora de Priscilla Faria

Um belo dia nasce uma criança, que ao nascer ela recebe uma missão e junto dela uma flor de lótus. Que sem saber o que fazer com ela e sem entender seguia sua vida buscando entender sua missão. Dentro dela ao meio de tantas duvidas e porquês elas só tinha certeza de uma coisa, da luz que ela leva dentro dela que emanava por onde ela passava.

No meio de tanta ansiedade pra buscar o como ia realizar sua missão. Ela ia pegando tudo o que via pela frente e colocando pra dentro, engolindo as informações, crenças, historias das outras pessoas como uma verdade para suprir o vazio que sentia dentro dela. Com esta busca pra preencher o vazio que tinha, com o passar dos anos, passou a se sentir cada vez mais pesada e presa aos velhos costumes, hábitos e crenças que ela não sabia mais quais eram os seus valores e quais eram das outras pessoas.

Com tanto conteúdo que ela já havia adquirido ela foi se inchando, se intoxicando. Se escondendo por traz de um véu de inveja, ilusões e ingratidão que se chama Ego. Mais em uma de suas busca ela conhece um homem grande, que tinha uma luz e um amor sincero e incondicional que olhou pra ela com um olhar que ela nunca tinha visto antes. Um olhar com, do 3 olho o olhar do coração, que permitia ver por trás do véu de ilusões. E perguntou:

– Porque você usa este véu, seu rosto é tão lindo.

Ela sem entender respondeu:

– Mas eu não uso véu, do que o senhor esta falando.
(mais uma vez seu ego tentando te confundir no mar de ilusões)

Quando ela olhou no espelho com poder da lótus pelo olhar do terceiro olho e viu que tinha um véu em seu rosto que não permitia ver o mundo como ele realmente era. Após a queda do véu uma verdade veio à tona. Como se todos os porquês que carregava até aquele momento em sua vida fosse respondido e não existisse mais.

E tudo passou a fazer sentido em sua vida, entender que o que ela buscava no outro já estava dentro dela, que ela só precisava buscar onde nunca tinha buscado, dentro de seu coração. E viu o quanto ela era linda e sua luz voltou a brilhar e emanar por todo caminho por onde ela passava.

Sua vida passou a fazer sentido e viu que a sua jornada em busca da verdadeira evolução estava apenas começando.

Gratidão por me permitir tirar o véu.

Sobre a autora:

Priscilla Faria

Priscila Alexandra mãe de três filhos, 28 anos, divorciada, empresária. Após se reencontrar na Meda Academy agora ela é cheia de coragem, aprendeu que vale a pena se aceitar, se olhar e se desejar, principalmente se amar. A jornada apenas começou.

Compartilhe nas redes sociais:
4 de setembro de 2017

3 Comentários em "Metáforas dos Buscadores - Vol. 01"

  1. Me sentindo importante e muito grata por fazer parte deste contesto e ter a certeza que estou no caminho certo

  2. Lindas metáforas muito orgulhosa de vcs, Priscila obrigada por permitir um pouco da minha participação

  3. Metáforas inspiradoras! grata.

Deixe sua mensagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© 2017 Meda Academy Training - Todos os direitos reservados.