Colocar Água Dentro

Minha avó tem mais de oitenta anos e não me lembro de tê-la visto sair de casa sem estar maquiada, com brincos, anéis, pulseira e colar. Ela diz ser assim desde a juventude e é como a vejo desde as minhas memórias da infância. Ela diz que “estar arrumada anima o espírito”. Concordo, estar arrumada traz sensação de bem estar, de conforto, pode promover elogios e tudo isso gera entusiasmo.

Não sou tão vaidosa quanto ela, geralmente minha maquiagem se resume ao batom, mas descobri que ela pode ser complementada por um sorriso e comprovei que este segundo item é mais poderoso que o primeiro. Embora considere que o sorriso torna as pessoas mais bonitas, não falo só da aparência física, penso nos ganhos que tenho quando complemento a minha maquiagem com o sorriso: as conversas que se iniciam com pessoas conhecidas ou não, a validação de um pedido de desculpas, o conforto levado ao outro quando as palavras não são suficientes, o sentimento de gratidão que às vezes tenho dificuldade de traduzir em palavras.

O sorriso temperou a receita de como “animar o espírito”. É uma receita que sempre dá certo e tem sabor de leveza, de satisfação, de plenitude.

A casa da minha avó sempre foi para mim referência de um lugar limpo e organizado.Ela acorda e não sai do quarto antes de arrumar a cama, a colcha tão esticada que é capaz de fazer uma bola quicar. Minha avó diz que quando a casa está bagunçada “dá impressão de que tudo na vida está bagunçado”.
Para mim faz sentido. Acredito que arrumar externamente seja uma atitude simbólica que reflete a intenção interior de colocar no lugar algo que esteja desarrumado por dentro. É preciso arrumar as gavetas, limpar as memórias, jogar fora o que não está em uso, se libertar dos sentimentos que não são positivos, consertar o que está quebrado, doar o que já foi útil, porém agora não é mais e assim abrir espaço para o novo.

Minha avó se define como uma “velha moderna que gosta de conhecer tudo que é novo”. Há alguns anos em um restaurante japonês e ela recusou os talheres convencionais dizendo: “me dá esse pauzinho, vou aprender a comer com este negócio”. Ela me inspira para que eu me lembre que posso aprender mais, dar um ou muitos passos à frente, e, o mais importante, que independente de ser um algo simples ou complexo, a premissa é haver intenção real de buscar o conhecimento. Caso tem gerado dúvida, sim, ela fez a refeição com o hashi!

Quando eu era criança presenciei por algumas vezes minha avó orientando pessoas da nossa família quando estavam colocando a louça suja sobre a pia. Ela dizia: “se não vai lavar, pelo menos coloca água dentro”. O objetivo era contribuir para facilitar a tarefa que ela concluiria depois. Este ensinamento da minha avó me protege da austeridade, das crenças de que deve haver perfeição em tudo, de que nada que é começado pode deixar de ser finalizado. Não me refiro a procrastinar, ser imprudente ou não produzir com qualidade. Falo sobre estar em movimento, sobre não optar pela inércia onde cabe um primeiro passo.

Hoje sou capaz de reconhecer que ações são ações, sem a necessidade de categorizá-las como “grandes” ou “pequenas”, consigo lidar de forma mais lúcida com a condição de eventualmente não poder trazer soluções para mim ou para as pessoas com quem convivo exatamente da forma que eu gostaria, mas sei que posso fazer algo ainda que seja parcial, mesmo que seja paliativo. Isso me torna capaz de reconhecer que um sorriso genuíno, pode “alegrar o espírito” das pessoas que fazem parte da minha jornada.

Minha busca hoje é por não deixar passar as oportunidades de “pelo menos colocar água dentro”.

Beatriz Hoffmann

Beatriz Hoffmann é Psicóloga, Coach e Palestrante. Desde a adolescência tem encantamento pelo estudo do comportamento e pela capacidade de mudança presente na condição humana. Seu propósito é promover saúde, bem-estar e qualidade de vida conduzindo cada cliente à acionar e potencializar os recursos que já possui, atuando assim como protagonista da nova história que deseja viver

29 de maio de 2018

32 Comentários em "Colocar Água Dentro"

  1. Fantástico! Vem de encontro com conteúdos que eu precisava ouvir. Parabéns!!!

  2. Gratidão! Lindo texto!!

  3. Gratidão, linda!
    Tb vou aproveitar minhas oportunidades de ” colocar água dentro.”

  4. Lindo texto.
    Feito com amor e carinho de quem vai longe e passar a mensagem que realmente precisa.
    Aguardo novas reflexões para levar para meu interior, parabéns pela sábias palavras.

  5. Linda reflexão!
    Gratidão por compartilhar seu conhecimento e seu sorriso!

  6. Adorei o texto, principalmente porque fez referência a importância do legado de nossas belas e inteligentes avós. Muito lindo!!!

  7. Texto maravilhoso, tocante! Parece que foi escrito para mim!
    Parabéns!
    Muita luz e sucesso!
    Gratidão!

  8. Uau
    Melhor que uma linda reflexão, é poder “voltar” a uma das melhores fases da vida. Aquela que nos sentimos amados, aquela que nossa única preocupação é “colocar água dentro”, seja pra evitar uma bronca ou pra agradar a vovó.
    Valores que se perdem em meio a tantas informações, em tantos desejos, na vontade de ser adulto logo.
    Gratidão por me possibilitar essa viagem pra recuperar alguns valores.

  9. Maria Cristina Póvoae Silva31 de maio de 2018 disse 06:54:Responder

    Texto espetacular! A analogia de comportamentos “caseiros” X crescimento humano torna o texto leve e muito claro. Creio q o objetivo da autora foi plenamente atingido.

  10. Que maravilha Be!!!
    Obrigado por compartilhar conosco algo de tanto valor, isto realmente é uma dádiva.

  11. Parabéns, da para perceber que vem de dentro do coração e nos toca nas lembranças mais longínquas, como lembrar da nossa vó, ou colocar água dentro da louça, (faço isso até hoje) e lendo esse texto fico feliz em saber que pelo menos quando não lavo a louça eu coloco um pouco de água dentro. Um axé grande no coração que vc continue sendo luz para aqueles que estão na escuridão.

  12. Que texto gostoso de ler! Parabéns pela sensibilidade !

  13. Belo texto e sábias palavras!

  14. Lindo texto tia Bia! Me senti meio sua avó….Poe água dentro….rsrs, beijo grande!

  15. Hermoso texto. Me encantó “não optar pela inércia onde cabe um primeiro passo.” Y “aunque sea poner algo adentro” Creo que de eso se trata. No es fácil pero vale la pena el esfuerzo.,,

  16. Perfeitoooo!!! Muito bela a ilustração!!!!
    Libertadora!!!!
    Gratidão!!!!

  17. Gratidão compartilhada, Lilia !
    Um grande abraço.

    Beatriz

  18. Sim, Gabriela Rizzo, o esforço sempre é valido.
    Fico muito grata por compartilhar sua reflexão !

  19. Gratidão pelo carinho, Silmara Falasco!
    Grande abraço. TiaBia

  20. Olá, Juce !
    É uma satisfação saber que o conteúdo atendeu à esta sua necessidade.
    Um grande abraço!

  21. Teresa Cristina, também sou grata por dedicado seu tempo à esta leitura.

  22. Olá, Cláudia !
    Sim, estas oportunidades sempre existem!

  23. Wagner, muito obrigada por seu sensível e carinhoso comentário.
    Em breve virão outros !

  24. Marina Hoffmann, sim foi escrito para você , para todos que podem olhar generosamente para si e para aqueles com quem os olhares cruzam.

  25. Olá, Valkíria!
    Sempre é tempo de estar em conexão e reconexão com os valores.
    Grande abraço,

  26. Olá, Cristina Póvoa !
    Assim como você identificou no texto, o objetivo é que cada um de nós possa tornar os próprios dias mais leves e claros.
    Um grande abraço

  27. Marcelo Eduardo, gratidão por doar a sensibilidade de sua alma de artista para esta leitura!

    um grande abraço

  28. Olá, Marlene !

    Que o seu viver seja sempre acompanhado de momentos gostosos como este que identificou neste momento de leitura.
    Um grande abraço.

  29. Olá, Antônio Carlos !

    Gratidão por compartilhar suas generosas e sensíveis percepções.
    Um grande abraço.

  30. Olá, Ronaldo !

    Diante de toda sua experiência e conhecimento posso dizer que recebi seu comentário como um grande elogio.

    Gratidão.

  31. Olá, Cari !

    Desejo que você desfrute muito desta sua experiência de também ser uma bela e inteligente avó !

    Um grande abraço

  32. Tatiane Castro : gratidão compartilhada por recebê-los.

    Um grande abraço

Deixe sua mensagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© 2018 Meda Academy Training - Todos os direitos reservados.